sábado, 21 de novembro de 2009

SONS EM TODOS OS TEMPOS - SEXTA-FEIRA

As Estrelas "maiores" também brilharam muito na noite anterior aos pequeninos!
Para vocês algumas belas imagens dessa noite.
Quem tiver algum vídeo favor enviar para
rosamonpratto@gmail.com



























Parabéns aos professores:

Maria José Martins
Marcos Rocha
e Nelson Jacques

Nossos agradecimentos aos alunos que participaram do evento.

Fotos: Vera Sayão

O CD com todas as fotos da apresentação está a disposição na Casa da Música.


quarta-feira, 18 de novembro de 2009

SONS EM TODOS OS TEMPOS



NOSSA APRESENTAÇÃO FOI UM
 SUCESSO!


AGRADECEMOS AOS NOSSOS PATROCINADORES.





SONS EM TODOS OS TEMPOS


Foi um sucesso, nossas "ESTRELINHAS" brilharam muito.
Para vocês uma palhinha:









                      


























                            































O DVD na integra ( 352 fotos do ensaio e apresentação ) já se encontra à disposição dos alunos com a professora Rosamon.

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

domingo, 13 de setembro de 2009

A SOPA FOI UM SUCESSO!!!

Queridos amigos, durante a semana vamos selecionar as melhores imagens da SOPA COM MÚSICA 2009. Se você tiver alguma foto ou video que queira compartilhar, por favor envie para: rosamonpratto@gmail.com
Abraços e até breve.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

OFICINA DE PERCUSSÃO PRAKATÁ




A Oficina de Percussão PRAKATÁ, ministrada pelo Músico DiogoSan visa à iniciação rítmica e percussiva, fazendo com que os alunos tenham contato com vários instrumentos de percussão. Encaixada perfeitamente para leigos e pessoas que já tocam, a Oficina PRAKATÁ faz com que os alunos conheçam e toquem diversos ritmos, como Maracatu, Coco de Roda, Samba, Samba Reggae, Salsa e Funk.

A PRAKATÁ será 1 (uma) vez por semana com duração de 1 hora e meia. Sempre as terças-feiras das 19:30 às 21:00 horas.

O valor é de R$ 80,00 (oitenta reais) mensais.

Endereço: próximo ao Beiramar Shopping

Contato: (48) 8419-8916

E-mail: diogo.sarara@hotmail.com




DIOGO PERCUSANTOS

Diogo Santos, ou simplesmente DiogoSan é um músico nato. Percussionista de profissão, a qual, o levou ao contato com vários ritmos.

Diogo começou a estudar música com 6 anos no Projeto Prelúdio da UFRGS, incentivado por sua mãe.

Aos 12 anos iniciou sua carreira profissional tocando em uma Escola de Samba de Porto Alegre. Depois disso trabalhou com diversos músicos e bandas de Porto Alegre/RS, como Armandinho, Papas da Língua, Chimarruts, Da Guedes, entre outros. Em Florianópolis/SC, Diogo dividiu o palco com a banda Dazaranha e com Expresso Rural. Em Salvador/BA tocou com Fabinho O'Braian e Letieres Leite da Banda do Bem (Ivete Sangalo), Hugo Santos e Rudney Machado (Araketu), Ricardo Costa (Edson Gomes). Tocou também com a Orquestra Rumpilezz, onde dividiu o palco com os "mestres" dos metais e da percussão da Bahia como, Letieres Leite (sax tenor, soprano e flauta), João Teoria (trompete), Hugo Santos (trombone), Rudney Machado (trompete), Junior Maceió (sax barítono), Gabi Guedes (percussão), Emerson e Enio Taquari (percussão), Wallace (percussão) e Orlando Costa (percussão).

Atualmente DiogoSan toca na banda NósNaldeia (do hit "Reggae na Casa Amarela") de Florianópolis/SC.

Com sua versatilidade e anos de estudos, DiogoSan passeia livremente por vários estilos musicais. Além disso, ministra oficinas de percussão latina, brasileira, afro-cubana, indiana, percussão corporal e com materiais alternativos, com crianças carentes, entre outras.

sábado, 25 de julho de 2009

O REPERTÓRIO JÁ ESTÁ DEFINIDO!!!

Aí está o repertório da "Sopa com Música 2009"!!

Algumas ainda estão sem cifras.

ATÉ O PRÓXIMO ENSAIO!!

 

 

01 - AQUARELA - TOQUINHO E VINÍCIUS

 

E                      E/G#                      A7M             B7(9)

Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo 

E                          E/G#                A7M         B7(9)

E com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo 

E                      E/G#                     A7M              B7(9)

Corro o lápis em torno da mão e me dou uma luva

E                  E/G#                               A7M                     B7(9)

E se faço chover, com dois riscos tenho um guarda-chuva

 

C#m                    C#m/B                  A7M                   D7M

Se um pinguinho de tinta cai num pedacinho azul do papel 

E                       E/G#                   A7M         B7(9)

Num instante imagino uma linda gaivota a voar no céu 

 

E            G#m/D#             A/C#       B7(9)

Vai voando, contornando a imensa curva Norte e Sul

E            G#m/D#   A/C#          B7(9)

Vou com ela viajando Havaí, Pequim ou Istambul 

 

E                       G#7/D#    G#7/C  C#m    

Pinto um barco a vela branco   navegando

   C#m/B     F#7(9)/A#         B7(9)

É tanto céu e mar  num beijo azul 

 

E                   E/G#               A7M              B7(9)

Entre as nuvens vem surgindo um lindo avião rosa e grená

E                 E/G#          A7M              B7(9)

Tudo em volta colorindo, com suas luzes a piscar 

 

E            G#7/D#     G#7/C  C#m    

Basta imaginar e ele está    partindo,

 C#m/B  F#7(9)/A#               B7(9)                 E    E/G#  A7M   B7(9)

Sereno  e  lindo e se a gente quiser ele vai pousar

 

E                      E/G#                         A7M                B7(9)

Numa folha qualquer eu desenho um navio de partida 

E                       E/G#                     A7M                 B7(9)

Com alguns bons amigos bebendo de bem com a vida 

E                        E/G#                   A7M                    B7(9)

De uma América a outra consigo passar num segundo 

E                              E/G#                                A7M                 B7(9)

Giro  um  simples  compasso  e  num  círculo  eu  faço  o  mundo 

 

C#m            C#m/B                     A7M                D7M

Um menino caminha e caminhando chega no muro 

E                E/G#                          A7M               B7(9)

E ali logo em frente a esperar pela gente o futuro está 

 

E          G#m/D#               A/C#          B7(9)

E o futuro é uma astronave que tentamos pilotar 

E                G#m/D#           A/C#          B7(9)

Não tem tempo nem piedade nem tem hora de chegar 

 

E              G#7/D#     G#7/C  C#m    

Sem pedir licença muda nossa    vida, 

   C#m/B    F#7(9)/A#       B7(9)

Depois     convida a rir ou chorar 

 

E               G#m/D#          A/C#              B7(9)

Nessa estrada não nos cabe conhecer ou ver o que virá 

E          G#m/D#           A/C#          B7(9)

O fim dela ninguém sabe bem ao certo onde vai dar

 

E               G#7/D#    G#7/C  C#m    

Vamos todos numa linda   passarela 

     C#m/B   F#7(9)/A#        B7(9)              E

De uma aquarela que um dia enfim descolorirá 

 

( E                   E/G#                      A7M             B7(9) )

Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo          (que descolorirá) 

E com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo    (que descolorirá)          

Giro um simples compasso e num círculo eu faço o mundo     (que descolorirá)         

 

 

 

02 – O LEÃOZINHO - CAETANO VELOSO

 

 C                              G

Gosto muito de te ver leãozinho

Am                           Em

Caminhando sob o sol

F                           Bb              C

Gosto muito de você leãozinho

 

C                             G

Para desentristecer leãozinho

Am                            Em

O meu coração tão só

F                            Bb                 C

Basta encontrar você no caminho

 

Am                   E/G#                  C/G  F#m7(b5)

Um filhote de leão raio da manhã

F7M                         Em                     Dm   G7

Arrastando o meu olhar como um imã

 

Am                     E/G#                       C/G  F#m7(b5)

O meu coração é o sol pai de toda cor

F7M                             Em                    Dm   G7

Quando ele lhe doura a pele ao léu

 

C                               G

Gosto de te ver ao sol leãozinho

Am                                Em

De te ver entrar no mar

F                     Bb            C

Tua pele tua luz tua juba

 

C                              G

Gosto de ficar ao sol leãozinho

Am                             Em

De molhar minha juba

F                              Bb                        C

De estar perto de você e entrar numa

 

 

 

03 – PARQUINHO – KARLA WOLFGRAMM  ( sem cifras ainda )

 

O PNEU

 

Roda pneu, gira pneu

Balança de um lado pro outro

Roda pneu, gira pneu

Balança de um lado pro outro

Para a direita, para a esquerda

Vai rodando o pneu, olha aí

Para a esquerda, para a direita

Vai rodando o pneu

Vai girando o pneu

 

 

O ESCORREGADOR 

 

Vou subir no escorrega

Escorregando vou

Vou subir no escorrega

Para baixo eu vou

 

Escorrega, escorrega,

Escorregador

Quem subir no escorrega

Já escorregou

 

 

O BALANÇO

 

Vai e vem

Vem e vai

Para frente, para trás.

Vai e vem

Vem e vai

O balanço leva e traz

 

 

A GANGORRA

 

Pra cima, pro alto

Pra baixo também

Subindo e descendo

A gangorra vai e vem

 

 

04 – FLAUTAS ( apresentação das crianças )

 

 

05 – DÓ RÉ MÍ ( apresentação das crianças )

 

 

06 - OITO ANOS - PAULA TOLLER        Intr:  (  D  G )

 

       D

Por que você é Flamengo e meu pai Botafogo?

     G

O que significa "Impávido Colosso"?

        D

Por que os ossos doem enquanto a gente dorme?

       A                                    G                              (  D  G )

Por que os dentes caem? Por onde os filhos saem?

 

       D

Por que os dedos murcham quando estou no banho?

        G

Por que as ruas enchem quando está chovendo?

 D

Quanto é mil trilhões vezes infinito?

 A                                 G                                     (  D  G )

Quem é Jesus Cristo? Onde estão meus primos?

 

D                        G           D                          A    G

Well, well, well... Gabriel Well, well, well... Well

 

        D

Por que o fogo queima? Por que a lua é branca?

        G

Por que a Terra roda? Por que deitar agora?

       D

Por que as cobras matam? Por que o vidro embaça?

        A                                 G                           (  D  G )

Por que você se pinta? Por que o tempo passa?

 

        D

Por que que a gente espirra? Por que as unhas crescem?

        G

Por que o sangue corre? Por que que a gente morre?

      D

Do que é feita a nuvem? Do que é feita a neve?

 A                                 Bb A  G

Como é que se escreve Reveillon?

 

D                         G

Well, well, well... Gabriel (4x)

 

 

 

07 - PIPOCA

 

            A                                  E

Uma pipoca puxa assunto na panela

                                                       A

Outra pipoca vem correndo responder

                                                     E

Então começa um verdadeiro falatório

                                                      A

Que ninguém mais consegue entender

 

                          E                      A

É um tal de poc poc poc poc poc poc

                          E                      A

É um tal de poc poc poc poc poc poc

 

 

 

08 – BRUXA MEDROSA

 

C                  F           C                F

Anda de vassoura e tem um narigão

     Am     Dm    G7                  C

É má e feiosa e mexe o caldeirão

 

               F                 C       F             C

Que tem asas de morcego, patas de aranhas

   Am             Dm       G7                C

Pitadas de formiga e dentes de piranha

 

         F                               C

É a BRUXA (grito) tão malvada (grito)

              F              C                 Am

Quer pegar a criançada, mas a BRUXA

                 Dm

Tem um segredo

                      G7

Se gritar com ela (grito)

                       C

Ela morre de medo!

 

 

 

09 – MARINHEIRO SÓ – CAETANO VELOSO

 

Intr: A

A7                 D            

Eu não sou daqui - Marinheiro só 

                       A              

Eu não tenho amor - Marinheiro só 

                  E7                   

Eu sou da Bahia - Marinheiro só 

                      A                 

De São Salvador - Marinheiro só 

 

                              E7               

O marinheiro, marinheiro - Marinheiro só 

                                 A                

Quem te ensinou a nadar - Marinheiro só 

                                E7              

Ou foi o tombo do navio - Marinheiro só 

                                A                

Ou foi o balanço do mar - Marinheiro só 

 

A7                D               

Oi lá vem, lá vem - Marinheiro só 

                         A                   

Como ele vem faceiro - Marinheiro só 

              E7                 

Todo de branco - Marinheiro só 

                     A                

Com seu bonezinho - Marinheiro só

 

 

 

 10 - O VIRA – SECOS E MOLHADOS

 

A                          D

O gato preto cruzou a estrada

      A                               E7

Passou por debaixo da escada

            A            A7                      D

E lá no fundo azul  Na noite da floresta

                 E7                                 A

A lua iluminou  A dança, a roda e a festa

 

                        A
Vira, vira, vira

                       E7

Vira, vira, vira homem, vira, vira

                     A

Vira, vira lobisomem, 

                        A
Vira, vira, vira

                       E7

Vira, vira, vira homem, vira, vira

 

 A                       D

Bailam corujas e pirilampos 

 A                           E7

Entre os sacis e as fadas

            A            A7                      D

E lá no fundo azul  Na noite da floresta

                  E7                                A

A lua iluminou  A dança, a roda e a festa

 

 

 

11 - GOSTEI DO ZÉ – SILVIA NEGRÃO

 

                        E7                           A

Ai que bem me importa que falem de mim

                E7                      A

Gostei do Zé e foi mesmo assim

 

                   A                 E7                                           A

Pezinho comprido, delicadinho, cada dedinho tem um bichinho

 

                        E7                           A

Ai que bem me importa que falem de mim

                E7                      A

Gostei do Zé e foi mesmo assim

 

           A                    E7                                   A

Cabelo lindo, caído no olho, cada fiapo sai um piolho

 

                        E7                           A

Ai que bem me importa que falem de mim

                E7                      A

Gostei do Zé e foi mesmo assim

 

             A                       E7                                                  A

Barriga lisa que nem tambor, mas tem lombriga que é um horror

 

                        E7                           A

Ai que bem me importa que falem de mim

                E7                      A

Gostei do Zé e foi mesmo assim

 

                 A                   E7                                            A

Nariz perfeito, lindo de fato, cada buraco que cabe um rato

 

                        E7                           A

Ai que bem me importa que falem de mim

                E7                      A

Gostei do Zé e foi mesmo assim

 

                                                 A

Ai seu Zé, me agradei tanto do Sr.

 

 

 

12 - A VACA

 

Intr:   (  F   C7  )

F                            C7                              

Quando a coisa ta preta acho graça de você

                                    C7                                    F

Diz que a vaca foi pro brejo pensando que sou o que

 

                              A7

E pra você que não sabe

                                 Dm

Quem vive no brejo é sapo

               Bb               C7

Eu gosto mesmo é de verde

                                  F

Eu gosto de andar no pasto

 

                              A7                  Dm

Se mamar na minha teta você não pode

                           A7                                     Dm

Eu posso dar um jeito pra você não mais chorar    (  o que ? )

Bb                         F                                         C7      

Vai buscar a mamadeira que um leite bem quentinho

                                 F

Logo, logo eu vou te dar

 

 

 

13 - Carta da Clarinha - Hélio Ziskind   ( sem cifras ainda )

 

No galinheiro
Estava eu certa manhã
Quando vi chegar o carteiro
Com a carta de uma fã

E a carta era assim:

Galinho Galileu (sou eu)
Eu acordo com você todo dia (e eu não sabia...)
Seu canto é tão bacana
Mas me faz cair da cama

Sua voz é tão bonita
Mas por que você tanto grita?
Por favor cante mais baixinho
Pra eu acordar devagarinho

Clarinha do Riachão
Obrigada pela atenção

 

 

14 - O Galileu cantou! - Hélio Ziskind  ( sem cifras ainda )

 

Galo que é galo gosta da madrugada
Galo que é galo gosta da madrugada

quando a noite tá acabando, mas ainda não acabou 
quando o sol já tá chegando, mas ainda não chegou

é madrugada, é madrugada
tá tudo escuro, ninguém vê nada
uma coruja pia: hu hu
o grilo cricrila: cri cri

e o orvalho vem caindo como disse o Noel 
todo mundo tá dormindo

e o galo olhando pro céu, e o galo olhando pro céu...

 
e quando ele vê aparecer...
o primeiro raio de sol...

Cócócóóóó

Có có có, o dia amanheceu
Có có córicó, Disse o galo Galileu 

Có có có, o dia amanheceu
Có có córicó, Disse o galo Galileu 

Pula pula, vamos espreguiçar
pula pula, vamos levantar
acorda galinhada tá na hora de bicar
có có có có có có có

Có Có Có, o dia amanheceu
Có có córicó, Disse o galo Galileu 

(Papagaio: - Mas Galileu, 

o que você respondeu pra Clarinha heim? )

Óh minha fã, você é muito dengosa
mas de manhã você é meio preguiçosa

acorda acorda acorda

Clara Clara, o dia clareou
Clara Clara, o Galileu cantou!

Có Có Có, o dia amanheceu
Có có córicó, disse o galo Galileu! 

 

 

 

15 - A GALINHA MAGRICELA - EDGARD POÇAS

 

E

Eu conheço uma galinha a galinha da vizinha

                                         B7
Avezinha magricela e depenada

Quem tem pena da galinha, avezinha depenada

                                       E
A galinha magricela da vizinha?

         E
Bota ovos pela sala, no banheiro e na cozinha
                         E7               A

Ela bota, bota, bota, sem parar

       A               E
A galinha magricela
        B7                E

Bota ovos sem parar

      A                E
A galinha magricela

         B7             E
É magrela de botar

E                                                                            A
A galinha magricela e bota um e bota dois e bota três

                        B7                                                           E
A galinha magricela, vira cambota e bota quatro de uma vez
                                           E7                               A
A galinha magricela e bota dez e bota cem e bota mil

                         E                            B7                                   E
A galinha magricela, bota ovo bota banca de mais bela do Brasil

 

 

 

16 - SONÍFERA ILHA – TITÃS

 

Intr: Bm

                   Bm

Não posso mais viver assim do seu ladinho

            Em                                          Bm

Por isso colo meu ouvido no radinho de pilha

                A            G              F#7

Pra te sintonizar sozinha, numa ilha

 

             Bm                            Em

Sonífera ilha  Descansa meus olhos

                      F#7                       Bm

Sossega minha boca  Me enche de luz   (  2x  )

 

             Bm                           Em

Sonífera ilha  Descansa meus olhos

                      F#7                        B7

Sossega minha boca Me enche de luz

 

             Em    A7                        D         G

Sonífera ilha      Descansa meus olhos

                      F#7                       Bm

Sossega minha boca Me enche de luz

 

 

 

17 - SUPER FANTÁSTICO

 

A

Super fantástico Amigo

                           F#m

Que bom estar contigo no nosso balão

Bm

Vamos voar novamente

                      E7

Cantar alegremente mais uma canção

 

A

Tantas crianças já sabem

                       F#m

Que todas elas cabem no nosso balão

Bm                                     

Até quem tem mais idade

                       E7   

Mas tem felicidade no seu coração

 

 

D       E7                   A     F#m

Sou feliz, por isso estou aqui

               D                              E7

Também quero viajar nesse balão

 

A                       F#m

Super fantástico    no balão mágico

D                                  E7

o mundo fica bem mais divertido

 

A                                                        F#m

Super fantasticamente as músicas são asas da imaginação

Bm                                                                E7

É como a flor e a semente, cantar que faz a gente viver a emoção

A                                                F#m

Vamos fazer a cidade virar felicidade com a nossa canção

Bm                                                    E7

Vamos fazer essa gente voar alegremente no nosso balão

 

 

 

18 - HE-MAN          

 

Intro:   (   Dm    Bb   C    Dm   )   LALALA...

 

      Dm

No mundo de Eternia  bem distante daqui

      F 

Na luta pela paz um guardião vai surgir

   Dm 

A força e a coragem ele nasceu para o bem

       F 

Os músculos de aço nosso herói é He-Man

 

  Gm

Aponta para o céu a sua espada a brilhar

            Dm 

E entre raios e trovoes um campeão nascerá

    Gm 

Pacato, o seu tigre vira o Gato Guerreiro

    A4/7                              A7

Na luta da justiça se entrega por inteiro

 

Bb                         F

Eu tenho a força, sou invencível

Gm                   A4/7                             A7 

Vamos amigos, unidos venceremos A semente do mal

 

       Dm                Bb  C  Dm 

Lá lá lá lá lá lá lá Lá lá lá lá lá lá  He-Man (  2X  )

Pelos poderes de Greyskull

 

      Dm 

Mandíbula, a Maligna e as forças do mal

     F 

O plano do esqueleto poderá ser fatal

     Dm 

Segredos do castelo ele quer conseguir

      F 

Planeja mil trapaças nunca vai desistir

   Gm

Zohar, Mentor e Teela são as forças do bem

  Dm 

Amigos da verdade eles não temem ninguém

   Gm 

O Gorpo gira, gira pro feitiço quebrar

     A4/7                                        A7 

He-Man com sua espada faz a guerra acabar

 

 

 

19 - A SOPA – PALAVRA CANTADA

 

C                        F               C        F

Que que tem na sopa do neném?

C                        F               C        F

Que que tem na sopa do neném?

 

    Dm                   G7          Dm                 G7

Será que tem espinafre, Será que tem tomate

     C         F         C    F      C         F          C

Será que tem feijão,    Será que tem agrião

   G7

É 1, é 2, é 3

 

Farinha, Balinha

Macarrão, Caminhão

É 1, é 2, é 3

 

Rabanete, Sorvete

Berinjela, Panela

É 1, é 2, é 3

 

Mandioca, Minhoca

Jacaré, Chulé

É 1, é 2, é 3

 

Alho poro, Sabão em pó

Repolho, Piolho

É 1, é 2, é 3

 

Caqui, Javali

Palmito, Pirulito

É 1, é 2, 3

 



Conheça os novos produtos Windows Live. Clique aqui!

Criei este Blog com o objetivo de compartilhar informações relacionadas à Educação Musical Infantil. Você também vai ficar por dentro das atividades do TAC TIC TUM-Música Infantil e de parceiros que trabalham com educação, música e artes em geral.